3 principais benefícios do Sistema de Plantio Direto

0

O Sistema de Plantio Direto (SPD) surgiu no Brasil na década de 70, mais especificamente no Paraná. Hoje o nosso país apresenta uma das maiores áreas de plantio que utilizam a técnica. Quando aplicada, a técnica propõe um  preparo do solo que não é feito da forma mecânica, ou seja, não envolve aração e gradagem. No Sistema de Plantio Direto o solo é sempre coberto por plantas em desenvolvimento e por resíduos vegetais, criando uma camada de proteção.

O Plantio Direto é uma ferramenta essencial para a produtividade dos sistemas agropecuários, e quando bem aplicado traz benefícios que vão além  dos cuidados com o solo. Listamos abaixo algumas vantagens do Sistema para sua lavoura:

1- Aumento da produtividade

O SPD impacta diretamente nas condições de solo, melhorando também o desenvolvimento das plantas, o que gera aumento da produtividade nas lavouras. Para o Sistema existir, os restos culturais devem cobrir, pelo menos, 80% da superfície do solo

Em algumas culturas, como da soja e algodão por exemplo, as plantas de cobertura ajudam na aquisição de nutrientes. Em períodos de falta de chuva, as raízes das plantas de cobertura buscam por água em locais profundos do solo, absorvendo nutrientes que ficarão acumulados na matéria seca. Quando se planta algodão ou soja, essas culturas podem utilizar o nitrogênio da matéria seca.

2-Redução custos de produção

Além da diminuição do uso de máquinas, o Sistema de Plantio Direto reduz o uso de agroquímicos, uma vez que diminui a presença de doenças e pragas com a recuperação da qualidade do solo.

Em áreas irrigadas, o Sistema reduz também o consumo de água. Com a cobertura do solo, a perda de líquido por evaporação é reduzida e as plantas também diminuem as perdas por transpiração.

3- Conservação do solo

Um dos maiores problemas de produtividade de solo é a erosão, que provoca a perda de minerais de camadas fértil do solo. Mas, uma vez coberto por resíduos vegetais – como propõe o Sistema de Plantio Direto – o solo não fica mais exposto e deixa de criar crostas de terra que impediriam a absorção da água e também o assoreamento.

O uso de Sistema de Plantio Direto também tem aumentado significativamente nos últimos anos. Além dos benefícios ambientais, ele permite reduzir o uso de máquinas e o tempo gasto na lavoura, já que evita as operações de aração e gradagem. O Sistema também recupera áreas que antes apresentavam solos sensíveis à erosão.

Leia mais notícias e novidades no Blog Por Dentro do Agro. Acompanhe nossas redes sociais em FacebookInstagramLinkedIn e Youtube.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.