Cafeicultor: por que investir em tecnologia agora?

0

A colheita do café tem início nos meses de maio e junho, mas para que os resultados da safra sejam gratificantes para o produtor, existe todo um processo de preparação do plantio nos meses antecedentes. Os primeiros meses do ano são essenciais para tomadas de decisão, que acarretarão em ganhos ou perdas futuras.

Investir em tecnologia proporciona uma tomada de decisão mais rápida e assertiva, minimizando danos como pragas na plantação, tempo ocioso de maquinário e perda de produtividade da equipe.

Listamos aqui 3 principais razões para investir em tecnologia agora e gerar bons frutos amanhã:

1- Planejar com precisão a nova safra

Na elaboração de uma nova safra é necessário adquirir insumos, mão de obra, maquinário, e outros ítens que devem ser calculados com antecedência pelo produtor.

Criar métodos e utilizar ferramentas que auxiliem neste processo de organização ajuda o gestor a economizar e gerir com mais eficiência os custos de produção da safra.

Para ter a garantia de que objetivos e metas estão saindo de acordo com o que foi planejado, é ideal realizar a análise do orçamento planejado X realizado. Este tipo de análise já está disponível em softwares de gestão operacional e permite também um comparativo de valores na safra seguinte.

2- Conhecer e corrigir problemas de solo

Áreas com solo prejudicado, pouco irrigadas ou com grande infestação de pragas, geram prejuízo para o produtor. Por meio de mapas de calor já é possível evidenciar estes problemas nos talhões, tratando as áreas antes que afetem a colheita.

Com auxílio dos softwares de análise de sensoriamento remoto, o gestor acompanha toda evolução da lavoura e utiliza imagens de satélite ou drones, trazendo dados sobre alterações na vegetação, sem a necessidade de presença no local.

3- Treinar equipe com antecedência

Como mostrado nos itens anteriores, os ganhos com tecnologia são inegáveis e ela apresenta-se como o melhor caminho para o aumento da produtividade no agronegócio. Mas qualquer processo de modernização – seja no campo ou na cidade – exige capacitação da mão-de-obra para gerar os resultados desejados.

De nada adianta ter os melhores equipamentos e soluções em tecnologia, se os usuários não souberem aproveitar todo seu potencial.  Para que isto aconteça, a capacitação deve acontecer, preferencialmente, antes do período de plantio, quando já se espera que toda a equipe esteja alinhada.

É importante assegurar-se de que seu fornecedor, além de tecnologia, ofereça suporte. De nada vale gerar dados valiosos, se eles não forem transformados em inteligência e gerem valor e economia. Além disso, ao inserir novos processos de tecnologia, elimine toda e qualquer dúvida da sua equipe de campo. Para isso, existe nas empresas de tecnologia  as áreas de Sucesso do Cliente.

Viu só como o investimento prévio pode lhe trazer bons resultados? A Strider oferece muitas soluções para quem deseja programar um safra de sucesso! Acesse nosso site e descubra.

Leia mais notícias e novidades no Blog Por Dentro do Agro. Acompanhe nossas redes sociais em FacebookInstagramLinkedIn e Youtube.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.