Clima favorece produção de café em MG

0

Por Lucas Majuski

A produção de café tem surpreendido positivamente os agricultores de Minas Gerais. Com clima favorável, os resultados de 2017 foram melhores que no período anterior. “Foi um ano em que as condições climáticas foram extremamente propícias para o café de qualidade”, conta Mário Ferraz de Araújo, gerente de Desenvolvimento Técnico da Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé). “Não tiveram chuvas significativas durante a colheita e, quando não há umidade nessa etapa, a qualidade é melhor”, completa.

Exemplo da boa produtividade foi o aumento dos grãos especiais. O especialista conta que, no ano passado, o percentual de um tipo fino produzido pela cooperativa foi bem maior que nos anteriores. Para o bom desenvolvimento da cultura, o ideal seria chover bastante até o fim de abril e nada entre maio e agosto, durante a colheita.

2018 está só no começo, mas os agricultores mineiros estão esperançosos com a safra. “O sentimento que temos é de que a colheita será maior que no ano passado. É uma primeira expectativa”, afirma Mário.

De acordo com o meteorologista da Climatempo Alexandre Nascimento, até o mês de abril deve chover perto da normalidade, mas ligeiramente abaixo da média histórica. “Acredito que seja o suficiente para os produtores. Já em maio, julho e agosto, o tempo deve ser mais seco na maior parte do período. Em julho podemos ter alguns eventos de chuva, mas que não devem durar muito”, afirma o meteorologista.

Fonte: Grupo Cultivar 

Leia também: Produtividade Foi O Principal Fator De Aumento Da Renda Do Produtor De Café. Acompanhe nossas redes sociais em FacebookInstagramLinkedIn e Youtube.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.