Dia do Agricultor: orgulho e paixão pelo campo motivam produtores

0

Em 28 de julho celebramos o Dia do Agricultor, uma data especial para homenagear os trabalhadores que prestam um dos serviços mais relevantes para a sociedade. Mesmo convivendo com desafios diários, com rotinas pesadas de trabalho no campo, a maioria dos agricultores não trocaria essa atividade por nada.

Muitos saíram de suas cidades para estudar, se qualificar, e voltaram a trabalhar no campo por paixão. Outros, para dar continuidade ao legado da família, aceitaram de bom grado os fins de semana sem folga e os feriados trabalhados. “Meus pais queriam que eu seguisse a carreira de engenheiro, tanto que me formei em Engenharia Eletrônica. Mas o amor à agricultura, e principalmente ao café, foi mais forte”, conta Wagner Ferrero, sócio-diretor do Grupo Famiglia Ferrero.

O produtor nasceu em Altinópolis (SP) e carrega nas veias a paixão pela cafeicultura – como ele mesmo diz: “corre um pouco de café no meu sangue”. Ferrero, que hoje comanda duas fazendas fundadas pela família nas regiões do Cerrado Mineiro e Alto Mogiana, diz que trabalhar no campo não é tarefa fácil, mas não se vê fazendo outra coisa. “Sem agricultura todo o mundo perece, porque esse é o combustível da humanidade”, enfatiza o produtor.

Wagner não esconde sua satisfação em ser um agricultor. “Eu tenho orgulho da minha atividade e todos os agricultores também devem ter orgulho em produzir alimentos para a humanidade, de prover matéria-prima para produção de roupas, de combustível e muitas outras coisas”, conta.

Se tratando da agricultura como atividade de grande importância para a sociedade, o sentimento de Ferrero está mais do que adequado. Afinal, é por meio dela que se produz alimentos para toda a humanidade, que há geração de matérias-primas para atender à demanda de industrialização, e o setor agro também gera muitos empregos e contribui ativamente para o desenvolvimento da economia, com impactos no aumento de riquezas e exportações.

Dia do Agricultor-Wagner Ferrero_Fazenda Pântano
Wagner Ferrero, na Fazenda Pântano – Cerrado Mineiro

 

Agricultura, uma trajetória de aprendizado

Em 1912, os avós de Wagner vieram da Itália para trabalhar nas lavouras de café no Brasil. Hoje, o grupo da família já se tornou referência nacional na produção de cafés especiais. Agora, Ferrero planeja investir ainda mais no crescimento da empresa que comanda com tanto prazer. “Meus planos para o futuro são bem simples. Quero agregar valor ao meu produto final, fundar uma torrefação nova, e conseguir atender ao consumidor final”, revela.

O produtor conta que todos os anos dedicados ao agro renderam ótimas experiências e aprendizados. O maior deles foi aprender a respeitar a natureza e todo o tripé da sustentabilidade – a parte social, ambiental e no que diz respeito à segurança alimentar. “A natureza é um bem que nós temos que preservar pelo resto das nossas vidas, para manter nosso legado, e isso foi uma das coisas mais importantes da aprendi”, confessa Wagner.

O sócio-diretor do Grupo Famiglia Ferrero finaliza dando uma dica, nessa data especial, para os agricultores do país que é nunca desistir.

“Por mais que não se tenha amparo, que faltem leis regulatórias ou políticas de preços justos. O amor à agricultura nos faz vencer. Tenha orgulho de ser agricultor!”.

Dia do agricultor

O Dia do Agricultor foi estabelecido em 28 de julho de 1960, data em que ocorreu a fundação do Ministério da Agricultura. Desde então, o dia é celebrado para ressaltar a importância do agricultor e a relevância de sua atividade para a economia e sociedade.

A agricultura é um dos setores primários da economia e se encarrega de produzir alimentos, além de matérias-primas para a fabricação de diversos tipos de produtos. Nos últimos anos, o setor também ganhou peso na produção de energia, com o cultivo de diversos tipos de vegetais utilizados na biomassa e para produção de biocombustíveis.

Leia também: 5 tecnologias para fazer render a sua lavoura de café. Acompanhe nossas redes sociais em FacebookInstagramLinkedIn e Youtube.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.