Novembro será marcado por chuva nas principais regiões produtoras.

0

A primavera começou com seca nas principais regiões do Brasil, causando grandes perdas em plantações e no planejamento das safras. Mas o produtor já pode comemorar! A chuva chegou e vem em uma ótima hora para quem está plantando.

De acordo com Alexandre Nascimento, meteorologista do Climatempo, a temporada promete ser bem parecida com a do ano passado, que registrou um volume de chuvas bem melhor do que o dos anos anteriores.

Confira como fica o tempo nas principais regiões produtoras do país, nos dois últimos meses do ano:

CENTRO-OESTE

Mato Grosso e Goiás, estados que atrasaram o plantio da soja na comparação com o ano anterior, finalmente foram presenteados com a chuva na última semana. As precipitações chegaram com atraso, mas vão permanecer estáveis durante todo mês.

Na segunda quinzena de novembro, inclusive, a região Norte de Goiás deve receber um grande acumulado de chuvas.

Em Mato Grosso do Sul, a chuva que retornou em Outubro deve permanecer frequente até o final do ano, favorecendo ainda mais os produtores que já conseguiram iniciar o plantio da soja.

MATOPIBA (Maranhão, Tocantins, Piauí, Bahia.)

A chuva já chegou em alguns estados da região, e a expectativa é que permaneça regular até dezembro (com grande volume previsto para as próximas semanas). No ano passado, o início do plantio das principais culturas aconteceu por volta dos dias 10/15 de novembro, e o mesmo deve acontecer neste ano de 2017.

Na região Norte da Bahia, chove com intensidade acima da média na segunda quinzena de Novembro, registrando mais de 100 milímetros.

SUDESTE

A seca e o calor de Outubro deixaram muitos produtores de café preocupados, mas o período de estiagem parece ter acabado. A previsão para Minas Gerais e São Paulo é da permanência das chuvas até o final do ano.

No caso do estado de São Paulo, as precipitações estão mais frequentes e podem ser registrar volume acima da média do mês. Atenção extra para os produtores de cana-de-açúcar que estão em fase de moer o produto! Vantagem  para os que já planejam o plantio da próxima safra da cultura!

SUL

Ao contrário do restante do país, a região Sul vivenciou fortes chuvas e geadas nos últimos meses, prejudicando fortemente o plantio de trigo. A geada também causou estragos para estes produtores, mas a perspectiva é de melhora do clima. No Rio Grande do Sul, a tendência é diminuição da frequência de chuvas muito intensas, favorecendo produtores de arroz que perderam a janela de plantio.

No Paraná, as chuvas continuam frequentes, mas o nível de umidade no solo fica favorável para plantio da soja, que estava atrasado.

Leia também: Você Sabe Realizar O Manejo Adequado Da Irrigação? Acompanhe nossas redes sociais em FacebookInstagramLinkedIn e Youtube.

 

 

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.