O algodão no alvo da moda

por Ricardo Campo

0

Em um ambiente altamente conectado a tendências como o da moda, é natural que haja a preocupação com a origem dos produtos, levando em conta que esse questionamento está em alta nas mais variadas áreas, como na indústria alimentícia. As fibras naturais, nesse caso, são as preferidas de quem busca um consumo fashion sustentável. Portanto, muitas confecções já perceberam que uma etiqueta  contendo “100% algodão” pode chamar tanto a atenção quanto a marca. Consequentemente o mercado será fomentado, aumentando a competitividade entre os produtores.

Pensando nisso, foi criado pela ABRAPA (Associação Brasileira de Produtores de Algodão), com o apoio da IBA (Instituto Brasileiro do Algodão), o movimento Sou de Algodão, que incentiva o uso do algodão, o que fomenta a cotonicultura, gerando informação para destacar o agro que vestimos.

Pesquisas de mercado, consultoria estratégica e benchmark de campanhas setoriais internacionais foram feitas, a fim de analisar e observar com clareza as possibilidades da união entre a moda e a cultura do algodão, tendo a sustentabilidade como pilar para essa construção. A produção em grande escala das coleções lançadas pelas marcas brasileiras e internacionais se torna parceira cotonicultura a cada nova safra.

 

Clique aqui para ler a matéria de Ricardo Campo sobre o Sou de Algodão no Plant Project.

Assine a Revista Strider gratuitamente. Clique aqui e acesse a 6ª edição da publicação.

Leia mais notícias e novidades no Blog Por Dentro do Agro. Acompanhe nossas redes sociais em Facebook, Instagram, LinkedIn e Youtube.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.