O que fazer para melhorar a logística no agronegócio?

0

Quando se fala em logística na agricultura, é comum pensarmos apenas no papel do transporte de cargas, como de produtos ou insumos. No entanto, para a gestão agrícola, a logística é uma peça importante para gerenciar custos e executar os mais variados processos, tanto de maneira integrada quanto inteligente.

Ou seja, é interessante empregá-la estrategicamente em uma série de atividades como a colheita, o controle de estoque e a gestão de máquinas e executores. Consegue-se, assim, reduzir gastos e aumentar lucros, ampliando a produtividade.

E, para planejar e otimizar a logística na sua fazenda, é vantajoso utilizar tecnologias desenvolvidas para contribuir com a área, sejam dispositivos, softwares ou demais sistemas. Saiba mais:

Colheita

Já existem tecnologias que possibilitam ao produtor identificar o estádio em que a lavoura se encontra em cada talhão e, a partir disso, considerar os melhores caminhos a serem percorridos com a colheitadeira. Em outras palavras, planejar e administrar atividades com eficácia, sabendo o melhor momento para colher, assim como por onde começar e exatamente qual percurso fazer.

Além disso, é possível, também, monitorar e mensurar a colheita, estabelecendo e medindo parâmetros definidos pelo próprio produtor. Isso permite acompanhar a qualidade e o progresso de cada procedimento, compreendendo se as operações estão dando resultados satisfatórios e, também, reduzir, por exemplo, perdas durante a colheita.

Estoque

Quanto à gestão estratégica dos estoques, alguns sistemas já vão além de permitir que o produtor tenha conhecimento do armazenamento, das movimentações, e da disponibilidade dos insumos. É possível, também, dar baixa de forma automática e instantânea, logo após a aplicação de fertilizantes ou defensivos, por exemplo.

A partir disso, é possível realizar compras muito mais assertivas, entendendo com clareza o que comprar, quando e em qual quantidade, tendo, também, pleno controle dos gastos.

Máquinas e Executores

Muito do sucesso da produção depende do funcionamento adequado do maquinário ou de operações bem sucedidas realizadas por técnicos durante a colheita, o plantio e demais etapas.

Para isso, existem sistemas de gestão de máquinas e pessoas, capazes de rastrear tratores e implementos, e de acompanhar a performance dos executores: sua velocidade e trajetos percorridos. Isso permite que o produtor perceba, por exemplo, se a localização do dos armazéns está adequada ou se as rotas elaboradas são as ideais.

Assim, por meio da logística e com o auxílio da tecnologia, é possível compreender as carências, os obstáculos e as oportunidades, seja do mercado agrícola ou da própria fazenda e, dessa maneira, elaborar melhor diagnósticos e planejamentos.

Leia também: Como melhorar o processo de compras de peças agrícolas. Acompanhe nossas redes sociais em FacebookInstagramLinkedIn e Youtube.

Por Luisa Gonçalves – Strider

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.